quinta-feira, 31 de maio de 2012

O melhor amigo do homem é o cachorro. Será?

Aqui em casa esta frase não se encaixa, pois o melhor amigo do Theo é o.................. SAPO! Isso mesmo, o sapo! Um sapo dançarino, cantor e que mexe os olhos, presente dado pela Bisa Lélia quando nos visitou em Natal, em abril.

O Theo no início ficou meio assustado com o barulho, mas não demorou muito para começar a dançar (muito cômico) toda vez que o sapo cantava. Virou o melhor amigo dele! Comia junto com ele, escovava os dentes junto com ele, era o primeiro brinquedo que ele pegava quando acordava ou chegava da creche. Theo gostou tanto do presente que rapidamente aprendeu a falar o nome do novo amiguinho: "papo" ou "papi".

Só que não demorou muito também para o sapo falecer. Sim! De tanto carinho bater o sapo no chão, um traumatismo craniano gravíssimo acometeu o anfíbio, que também quebrou o pescoço e parou de cantar. Ele ainda continua a figurar na lista dos favoritos, mas perdeu um pouco o seu glamour.



Vejam o vídeo e a performance do Theo!


quarta-feira, 30 de maio de 2012

Eu tenho um filho aventureiro

Com a chegada da minha avó e da minha tia aqui em casa na semana passada, mudamos o sofá-cama de posição. Como o apê é enoooorme, o garrafão de água acaba ficando na sala mesmo. E o Theo logo tratou de arrumar uma utilidade pra ele!

quarta-feira, 23 de maio de 2012

segunda-feira, 21 de maio de 2012

A falta que um pai faz

Quando o Theo nasceu o Lu estava viajando e a forma que eu encontrei de tê-lo mais perto da gente na maternidade foi criar uma foto gigante do rosto dele, desta forma teria o sorriso dele ali comigo e ele também poderia sair nas fotos (!).

Vira e mexe quando o Lu saía para trabalhar ou viajava, mostrava a foto para o Theo. Às vezes ele achava graça, em outras queria pegar a foto e amassar. Mas agora que ele já está um rapaz (!) a reação foi outra, e fiquei aqui pensando com meus botões como é que ainda tem gente que acha que criança pequena, assim como o Theo, não entende certas coisas, como a saudade e a distância, por exemplo.

Tudo bem, entender realmente pode não ser a palavra exata, mas eu a substituiria por sentir. Não dá para negar que o Theo sente saudade do Papai (e a Mamãe também!).

Vejam só o carinho dele com a foto do Lu. Dá até peninha, mas foi tão lindo...



A saudade é tão grande que o Theo conseguiu até descolar a foto do cabo improvisado!


Olha o vídeo que coisa mais linda! Eu tenho um filho tão carinhoso!!!!!


sexta-feira, 18 de maio de 2012

Papai viajou. E a mamãe arrumou um namorado novo!

Você não leu errado! Eu estava me sentindo muito sozinha e tratei de arranjar um namorado novo, mais jovem e muito simpático. Ele tem um olhar irresistível, estou apaixonada!


Vejam o vídeo do meu gatinho! Um charme!



Bom final de semana!

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Recadinhos da creche

Recadinho 1

"Mamãe, favor colocar uma cuequinha na bolsa do Theo pois ele está tirando a fralda". \o/
De cuequinha nova, presente da Gogó Sônia



Recadinho 2

"Essa semana o Theo vai passar algumas horas no Berçário II para dar início a uma nova adaptação". Filho esperto demais para o Berçário I



Galeria de arte do Theo



E meu filhote está crescendo rápido, ficando cada vez mais esperto e levado!

segunda-feira, 14 de maio de 2012

A festinha de Dia das Mães da creche

Na última sexta-feira rolou a festinha da creche em homenagem às mamães. Eu estava muito ansiosa para o momento, tanto que até deixei de viajar. E não me arrependo. A festa não foi lááá essas coisas: atrasou, as crianças viram as mães antes da hora (e começaram a chorar) e fazia um calor dos infernos, mas foi lindo ver o que eles prepararam com tanto carinho para nós.

Vejam a decoração da creche, cheia de cartazes com frases sobre as mães:

Cantinho do Berçário I com fotos dos pequenos com suas mamães. Abaixo, os nossos presentes:

Foi assim: a ideia era que as mamães sentassem na salinha das crianças e elas chegariam depois, no colo das tias e com o coração que fizeram nas mãos, mas acabou que todas as crianças entraram com as próprias mães e ficaram sentadas no colo delas. Eu disse todas as crianças, mas corrigindo, todas, menos o Theo! Ele comeu bicho carpinteiro pelo cordão umbilical, só pode!

Vejam o vídeo!

Depois as tias colocaram uma música que falava sobre as mães. Consegui entender alguma coisa, mas tinha muita gente na escola e foi difícil. Parecia bonita a letra.

Vejam o meu filhote trazendo o coração que ele fez para mim! Difícil foi conseguir agarrá-lo para tirar uma foto. É energia que não acaba nunca!


Depois que a música acabou, ganhamos nosso presente!

Uma saboneteira de madeira, pétalas de sabonete, um sabonete super perfumado e uma toalhinha personalizada com o nome de cada mãe. Lindo, né?

Para finalizar, reuniram novamente todas as mães no pátio e passaram um vídeo com fotos das crianças no dia a dia da creche. Foi lindo! Mas a esta altura o Theo já estava morrendo de sono e não aguentava mais ficar no meu colo, queria ficar andando pra lá e pra cá e ainda mexer no volume do data show. #vergonha

Voltamos para casa felizes, e exaustos! Adorei minha primeira festinha, mas queria ter me emocionado mais!!! kkkk

domingo, 13 de maio de 2012

Meu Dia das Mães foi assim...

...agarradinha com meu filhote, amassando e beijando muito essas bochechas gostosas!





 E junto de pessoas queridas que, assim como eu, também estavam longe de suas mães queridas (e maridos também!). E ainda faltou mulher nessa foto!!


Meninas, obrigada pela companhia e por preencherem o meu domingo com alegria!

O meu 2º Dia das Mães

Hoje é o meu segundo Dia das Mães. É o segundo ano que tenho em meus braços uma coisinha linda que me deu este título: o de MÃE.

Não é exatamente o dia que eu sonhei passar, com minha mãe longe, minha avó longe e o marido viajando, mas a vida tem dessas coisas. Passaremos eu e Theo, juntinhos, abraçadinhos, criadora e criaturinha. Vai ser gostoso, claro, estou junto com quem mais importa nesse momento: o meu filho. Mas também fica um vazio por desejar estar ao lado das duas mulheres mais importantes da minha vida.

Minha mãe vai chegar um pouco atrasada para a festa, ainda hoje de madrugada. E minha vó Lélia chega em 10 dias para eu poder abraçá-la bem apertado. Sinto muito a falta delas...



Para minha mãe, desejo que a vida lhe dê muita saúde e força, para que você continue a exercer brilhantemente o seu papel de mãe e amiga, às vezes mais amiga do que mãe. Minha mãe é aquela que me entende pelo olhar e pelo alô do telefone, conhece a minha alma, é minha Karla-metade.

É uma sogra que toda pessoa pediria a Deus, que acolheu meu marido como filho e o ama como tal (e vice-versa).

Uma avó que abriu mão da sua vida para poder estar ao meu lado quando eu mais precisei, que me sacode quando é preciso. Faz jus como ninguém ao título de AVÓ, e todo o amor dessas três letrinhas reflete nos olhos e no sorriso do Theo. Quando estão juntos o Theo é muito mais feliz, é visível. Como se amam esses dois... uma ligação bonita de se ver e que eu só agradeço a Deus, porque eu tenho uma avó maravilhosa e desejei muito que meu filho também tivesse essa oportunidade, pois é deliciosa essa convivência, que fica para sempre no coração dos netos. A parte da vida que é gostosa de lembrar e contar lááá na frente...



Para minha avó Lélia, peço a Deus que nos permita ter, por muitos anos mais, a sua presença em nossas vidas. Sua vitalidade, sua alegria e disposição são a base da nossa família. É aquela pessoinha que está sempre pronta para ajudar, tem sempre uma palavra de carinho, um conselho carinhoso. Foi quem saiu correndo às 21h da noite para me acalmar, quando eu ainda não me sentia completamente preparada para ficar sozinha com o Theo. É quem faz a melhor rabanada do mundo e com quem eu adoro conversar, sentada na cadeira no canto da cozinha vendo-a fritar pães e mais pães, incansavelmente. É quem corre pra comprar um "filézinho mignon" ao saber que a netinha está chegando. Foi quem me proporcionou o sonho da minha primeira faculdade, e muuuuuuitos outros sonhos que não caberiam em linhas. Sabe ser avó de verdade, que cuida, que traz paz, cuja casa é o lugar mais delicioso do mundo e aonde eu queria estar agora. E como Bisa? Nossa, não tenho nem palavras. O Theo é completamente louco por ela... louco se não fosse, minha avó é adorável.



Para as duas mulheres da minha vida, desejo que tenham um lindo Dia das Mães. E que em breve possamos tirar o atraso desse abraço que ficará faltando hoje. Amo muito vocês!













Para minhas tias, um lindo dia! Para minhas primas Déa e Debie, que se animem logo para poderem comemorar esse dia conosco! Para minhas amigas mães e queridas leitoras desse blog, desejo que tenham um lindo dia junto de seus filhos e mães, para quem ainda as tem. Sejam pacientes com seus filhos, dêem amor, carinho, sejam presentes em suas vidas, porque eles são o nosso maior presente.

FELIZ DIA DAS MÃES!

"Tornar-se mãe é descobrir o realmente significa viver pelo outro. Nossos sonhos deixam de ser nossos, e os passos são guiados pelo bem do que de mais valioso passamos a ter, nossos filhos.

E nessa transformação tão especial, descobrimos também o que é ser filha. Percebemos e valorizamos cada gesto de carinho que nos foi dado e que agora podemos oferecer"
(mensagem que recebi da Cordcell)

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Meu coração foi ali e já volta!

Não tô me aguentando de tanta emoção. Desde que acordei hoje às 05h da matina a televisão não para de falar sobre o Dia das Mães e eu não paro de chorar! No Facebook todas as amigas postando sobre as festinhas de seus filhos na escolinha.

Estou muito ansiosa para a minha primeira festinha de Dia das Mães. A creche está linda, toda enfeitada e com vários cartazes com frases em homenagem às mães. E as fotos das mamães com seus filhotes já estão enfeitando as paredes.
 
Ai, que emoção! Meu coração tá num acelerado só!


terça-feira, 8 de maio de 2012

Novidades da creche

Theo está bombando nos trabalhinhos, cada um mais fofo que o outro.



E essa semana ainda recebi um cartão postal com mensagem da escola, convidando para a festinha de Dia das Mães, e atrás tinha um coração com o nome dele escrito por ele mesmo. Amei! (Por falar em escrever, acho que o Theo será destro!)

Aliás, deixarei de viajar para Fortaleza para encontrar o maridão para estar presente na primeira festinha de Dia das Mães que o Theo irá participar. Não podia perder esse momento de jeito nenhum.

A última! Estava demorando: Theo foi mordido duas vezes no mesmo dia, na semana passada. Engraçado que a nossa preocupação de o Theo morder os coleguinhas era tão grande que acabou acontecendo o contrário. Tadinho, a tia disse que ele chorou à beça, ficou sentido... :/  É preciso aprender a se defender agora!!!

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Apelidos

Quando escolhemos o nome "Theo", nunca imaginei que esse nome curtinho daria margem para tantos apelidos. Não tenho nada contra eles, eu gosto, acho carinhoso, só não imaginava tanta criatividade. Além dos apelidos "derivados" de Theo, tem vários outros que nosso fofo ganhou no dia a dia.

A maioria deles veio da mente brilhante e sofisticada do Papai Lu!

Vamos a eles!

- Theozinho
- Theozizi
- Teleco teco/ Teco teleco
- Tescus telescus
- Tescus telescudos
- Telequinho
- Teteco
- Pitoco/ Pitoquinho
- Bolinha de carne
- Fofolete
- Figurinha
- Pançudinho
- Bundjão (quando ele tá pelado!)
- Peidones (preciso explicar?)
- Cagonitos (preciso explicar 2?)
- Loirinho
- Gostoso
-  Ney Matogrosso (por causa dos dentinhos separados!)
- Guducho
- Filhote
- Filhoquinho

Se eu lembrar de mais algum, adiciono em vermelho!

Diz aí, qual apelido você mais gostou?

sexta-feira, 4 de maio de 2012

A minhoca e o comilão

Fizemos uma regressão, voltamos aos tempos de mil e oitoscentos e lá vai fumaça (como diz a minha avó) e eis que o Theo está com verme. Isso mesmo, coisa de antigamente, de lugar sem higiene e saneamento básico... mas ele ainda existe.

Theo sempre foi meio pançudinho e a gente até achava graça, brincava que era barriga de chopp. Só que recentemente, após uma diarréia braba que teve, ele precisou fazer exames de fezes duas vezes (papo bom, hein?), e o segundo acusou essas minhoquinhas sacanas que transformaram o Theo em um verdadeiro comilão.
Pançudinho tomando banho no tanque

Tá, ele sempre foi guloso, sempre se alimentou muito bem. Mas de uns tempos pra cá ele está frenético ou, como diz o marido, um saco sem fundo. Não podia ver ninguém comendo, bebendo ou me ver na cozinha que simplesmente começava a berrar e chorar, como se estivesse sendo maltratado.

Não recusa uma migalha sequer, chega da creche voraz, mesmo já tendo jantado lá. Mas o ápice para mim foi quando minha mãe esteve aqui recentemente e, no colo dela, comeu 4 fatias (finas) de bolo de laranja e ainda queria mais, marido teve que esconder o bolo (e o Theo reclamou!).

Se essa fome toda é só do verme eu não sei, mas tomara que a gente mate logo essa minhoca porque, gente, tá sinistra a ferinha faminta aqui. Se continuar nesse ritmo, já pensou esse moleque na adolescência?

Socorroooooooooooo!!!!!!!!!!!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...